4 de maio de 2017

pés na areia


" Em silêncio finquei os pés na areia como se estancasse um rio. E era o choro que eu estancava. Melhor teria sido deixar o pranto acontecer. Dizia a nossa mãe que quando choramos, a alma segue o exemplo da Terra, sob a chuva, torna-se barro. E o barro nos dá a casa, o barro é quem molda a nossa mão."
Mia Couto. in Gentes da minha terra

3 de abril de 2017

Windows desktop


"Nós somos casas muito grandes, muito compridas. É como se morássemos apenas num quarto ou dois. Às vezes, por medo ou cegueira, não abrimos as nossas portas."
.Antonio Lobo Antunes

19 de janeiro de 2017

perdidos e achados


E hoje, nos achados e perdidos, encontrei um sorriso que não dei, uma chance que perdi, uma oportunidade que me passou batida. Encontrei uma fé empoeirada, um sonho esquecido. Então, peguei tudo de volta delicadamente, e disse à vida: Nada vai me fazer perder oportunidades novamente..."
___________Michelle Trevisani

2 de janeiro de 2017

a ir...


''Aquela vontade de fugir da realidade, de viajar para um destino desconhecido, conhecer novos prazeres, viver como se não houvesse amanhã.''
(Caio Fernando Abreu)

8 de dezembro de 2016

um vento que acaricia...


A alma é um vento. Pode cobrir mar e terra. Mas não é da terra nem do mar. A alma é um vento. E nós somos um agitar de folhas, nos braços da ventania.
- Mia Couto

11 de novembro de 2016

a pedra de amolar


"A vida é uma pedra de amolar. Desgasta-nos ou afia-nos, conforme o metal de que somos feitos."
(Bernard Shaw)

14 de outubro de 2016

em silêncio


Porque ficar triste é comum, é um sentimento tão legítimo quanto a alegria, é um registo da nossa sensibilidade, que ora gargalha em grupo, ora busca o silêncio e a solidão. 
Martha Medeiros

20 de setembro de 2016

a cor do tempo



"Há uma cor que não vem nos dicionários. É essa indefinível cor que têm todos os retratos, os figurinos da última estação.. - a cor do tempo."
(Mario Quintana)

12 de julho de 2016

girassóis

GIRASSÓIS
Meu coração é um livro 
Com páginas de girassóis.

O tempo o folheia 
E as páginas giram, 
Incansáveis, 
A procura de luz.

Beija-flores o visitam 
E borboletas nele se assentam, 
Vez em quando,
Com ternura de asas de sonho.

Uma borboleta pousada 
No girassol do meu peito: 
É assim que sinto o poema.

NARA RÚBIA RIBEIRO

25 de junho de 2016

solidão


Chico Buarque define solidão...
Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ou fazer sexo... Isto é carência!
Solidão não é o sentimento que experimentamos pela ausência de entes queridos que não podem mais voltar... Isto é saudade!
Solidão não é o retiro voluntário que a gente se impõe, às vezes para realinhar os pensamentos... Isto é equilíbrio!
Solidão não é o claustro involuntário que o destino nos impõe compulsivamente... Isto é um princípio da natureza!
Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado... Isto e circunstância!
Solidão é muito mais do que isto...
SOLIDÃO é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma.
Francisco Buarque de Holanda (Poeta, compositor e cantor)

8 de junho de 2016

você é...


"Você é aquilo que ninguém vê. Uma colecção de histórias, estórias, memórias, dores, delicias, bondades, tragédias, sucessos, sentimentos e pensamentos. Se definir é se limitar. Você é um eterno parênteses em aberto, enquanto sua eternidade durar"

19 de maio de 2016

à descoberta



À DESCOBERTA DO AMOR
Ensaia um sorriso 
e oferece-o a quem não teve nenhum. 
Agarra um raio de sol 
e desprende-o onde houver noite. 
Descobre uma nascente 
e nela limpa quem vive na lama. 
Toma uma lágrima 
e pousa-a em quem nunca chorou. 
Ganha coragem 
e dá-a a quem não sabe lutar. 
Inventa a vida 
e conta-a a quem nada compreende. 
Enche-te de esperança 
e vive á sua luz. 
Enriquece-te de bondade 
e oferece-a a quem não sabe dar. 
Vive com amor 
e fá-lo conhecer ao Mundo.
Mahatma Gandhi

22 de abril de 2016

a estrada


"Qual é a sua estrada, homem? - a estrada do místico, a estrada do louco, a estrada do arco-íris, a estrada dos peixes, qualquer estrada... Há sempre uma estrada em qualquer lugar, para qualquer pessoa, em qualquer circunstância. "
(Jack Kerouac)

22 de março de 2016